quarta-feira, 1 de maio de 2013

O SENTIDO DA VIDA - POESIA


Já não tens pincéis
com os quais
pintes a primavera:
a flor do amor
murchou;
o perfume da vida
está ocre;
não tens luz,
não tens cigarro.
Tu, João,
por que vives?


Pero Vás

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado visitante, seja bem-vindo. Os comentários aqui postados não são moderados, por isso, conto com a sua moderação.

Plugin Artigos Relacionados para WordPress, Blogger, ...