sábado, 3 de novembro de 2012

POESIA - A LUTA












Yo no creo en los sueños, pero que los hay, los hay.”

A LUTA

As batalhas têm
durado
cada vez mais tempo,
provocado
cada vez mais baixas,
custado
cada vez mais esforços,
levado
cada vez mais sonhos.

As batalhas têm,
cada vez mais,
pelo tempo,        pelas baixas,        pelos esforços,    pelos sonhos,
parecido
com a guerra.

O que vem depois?

Pero Vás

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado visitante, seja bem-vindo. Os comentários aqui postados não são moderados, por isso, conto com a sua moderação.

Plugin Artigos Relacionados para WordPress, Blogger, ...