sábado, 5 de junho de 2010

O Amor no Tempo do Verbo

Paro, parando,
e penso, pensando,
que se seguir seguindo
a andar andando
talvez chegue, chegando,
a um canto, cantando,
qualquer, qualquerendo,
onde estará, estando,
uma mulher, mulherando,
a beber, bebendo.


E se a olhar, olhando,
com amor, amando,
pode ser, sendo,
que sem querer, querendo,
ela corresponda, correspondendo,
com um sorriso, sorrindo.
E sabe-se lá, sabendo,
se não dirá, dizendo:
"Venha aqui, vindo."?


(Ela)
- Por onde andas andando,
que te vi vendo
um lugar para ficar ficando
onde estivesse, estando,
alguém a esperar, esperando,
por quem não sabe, sabendo?
(Ele)
- Tenho estado, estando,
parado, parando,
mas agora que cheguei chegando
acho que achei, achando,
o que buscava, buscando.
(Ela)
- Seria eu, sendo?
(Ele)
- É.
(Ela)
- Não entendo...
(Ele)
- Direto serei.
(Ela)
- Seja.
(Ele)
- Tão logo a vi...
(Ela)
- Sim...
(Ele)
- Te amei!
(Ela)
- Xi!...
(Ele)
- O quê?
(Ela)
- Veja...
(Ele)
- Sim.
(Ela)
- Não pode ser assim, assim...
(Ele)
- Por quê?
(Ela)
- Não amo você.
(Ele)
- Então...
(Ela)
- Melhor seguir...
(Ele)
- Seguir?...
(Ela)
- Seguindo.
(Ele)
- Para onde?
(Ela)
- Indo.
(Ele)
- Sem parar?
(Ela)
- Ou parando.
(Ele)
- Assim tem sido, sendo.
(Ela)
- Eu sei...
(Ele)
- Como?
(Ela)
- Sabendo.
(Ele)
- Vou sonhar.
(Ela)
- Vá sonhando.
(Ele)
- Então tá!
(Ela)
- Mas não corra, correndo.
(Ele)
- Continuarei, continuando, a andar andando.
(Ela)
- Adeus...
(Ele)
- Até quando?
(Ela)
- Não sei (sabendo).
(Ele, indo)
- Adeus.
(...)
"O Amor só É, Sendo!"


Por Autista Baptista

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado visitante, seja bem-vindo. Os comentários aqui postados não são moderados, por isso, conto com a sua moderação.

Plugin Artigos Relacionados para WordPress, Blogger, ...