segunda-feira, 12 de outubro de 2009

PARA RIR (ou não. Depende do ponto de vista)

Há alguns dias, eu estava caminhando e assobiando, de mão no bolso, por uma rua, em Porto Alegre, quando, de repente, vejo algo que quase me faz parar o coração! Cheguei a ficar meio mal, mesmo. Juro! Eu não podia acreditar no que estava vendo.

Era um out-door com a seguinte propaganda (era mais ou menos assim, não lembro exatamente. Talvez nem seja assim e eu é que esteja inventando, mas a mensagem era essa.): "Você quer e agora você pode. Conclua os seus estudos. 1º e 2º graus. EJA à distância. Aprovado pelo MEC."

O QUÊEEEEEEE!!!!! QUACK! POR TUTATIS! EJA À DISTÂNCIA! SOCORRO, SENHOR!!!

O EJA já é uma matação oficializada. Professores (alguns bem preparados e intencionados, outros nem tanto, outros nem um pouquinho) já fazem o impossível dentro daquele mínimo possível para dar, assim, "uma base" ao aluno abordando o que ele teria estudado no 1º grau, ou no 2º, se tivesse feito o ensino regular; agora, vir uma instituição privada e, com a promessa de cobrar mais barato, oferecer uma matação da matação, isso para mim é demais.

No Rio Grande do Sul, onde moro, eu já acho ridículo o EJA que é aqui praticado pelo governo estadual, onde o aluno se inscreve e recebe uma apostila com o conteúdo da matéria que ele quer "eliminar". Aí, o camarada vai pra casa e "estuda" sozinho para a prova que irá prestar - quando "se sentir preparado". Caso o "aluno" julgue que precisa tirar alguma dúvida a respeito do conteúdo, basta que ligue para o local onde efetuou a inscrição e um professor estará à disposição para atendê-lo no horário agendado. Maravilhoso, né? Matação!!! JASON ATACA!!!

É por causa desses "fenômenos educacionais" que a gente está do jeito que está. E ainda pode ficar pior, não duvidem. Querem dar uma espiadinha no resultado de tanto esforço? Acompanhem o slideshow abaixo e vejam.

Um comentário:

  1. Opa meu caro ente maldito, sou o poeta que conversate ontem no 512. Meu blog meu caro:
    http://existenznoexistenz.blogpost.com

    ResponderExcluir

Prezado visitante, seja bem-vindo. Os comentários aqui postados não são moderados, por isso, conto com a sua moderação.

Plugin Artigos Relacionados para WordPress, Blogger, ...