segunda-feira, 18 de maio de 2009

HORA DE PARTIR


Por Ente Maldito

Eu vejo um barco que se lança ao mar.

Eu vejo um beijo que tenta alcançar

Um outro beijo lançado ao ar


Eu vejo acenos, ouço “ais”,

Eu vejo a saudade molhando o cais.

Eu vejo olhos que perguntam

Para alguém, mar além: “por que te vais?”


Eu vejo um coração de água e sal.

Eu vejo um coração de pedra e cal.

Quem, nessa hora, voltaria atrás?

Nem você, Lírio-Perfeito...

Nem você nem ninguém mais...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado visitante, seja bem-vindo. Os comentários aqui postados não são moderados, por isso, conto com a sua moderação.

Plugin Artigos Relacionados para WordPress, Blogger, ...