domingo, 7 de dezembro de 2008

O bom e velho amigo Tédio

Tem momentos que as horas parecem que não passam. Não há o que se fazer! Fumar? Beber? Sair? Lavar a louça? Nãããh... Vontade de fazer alguma coisa e, ao mesmo tempo, de não fazer nada.
É ele, o bom e velho amigo "Tédio" chegando pra te dar aquele abraço apertado.
O "Tédio" é um cara quietão, sempre na dele, com aquela cara de aborrecido. Passa a maior parte do tempo calado. É um sujeito econômico nas palavras. Só abre a boca pra dizer "ã-rã" e "ãh-ãh". O "Tédio" é meio doentio. Sempre apático, aparentando ser catatônico, ou autista, sei lá. O "Tédio" é agropastoril, bucólico, lobotomizado. O "Tédio" é um saco!





TÉDIO


Silêncio, janela, vento.
Rio, barco, ilha.
Nuvem, pássaro, céu.
Sol.

Silêncio, janela, vento.
Rio, cais, ilha.
Céu, estrela, lua.
Só,

Um grilo a cantar...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prezado visitante, seja bem-vindo. Os comentários aqui postados não são moderados, por isso, conto com a sua moderação.

Plugin Artigos Relacionados para WordPress, Blogger, ...